Notícia

Alunos e funcionária são afastados em escola municipal de Santos após serem diagnosticados com escabiose

Mais de 10 casos foram confirmados na rede escolar

Escola Municipal : Professora Maria Emília Reis - Imagem: Reprodução/ Google Maps
Escola Municipal : Professora Maria Emília Reis - Imagem: Reprodução/ Google Maps

Bianca Novais Publicado em 26/06/2024, às 14h08


Após serem diagnosticados com escabiose, uma funcionária e doze alunos foram foram afastados da Unidade Municipal de Ensino (UME) Professora Emília Maria Reis, de Santos. A doença é conhecida como “sarna humana”, uma lesão de pele que leva à coceira intensa do local atingido.

A unidade escolar tem cerca de 458 alunos matriculados e recebeu a Vigilância Sanitária (Sevisa) no dia 20 de junho, realizando assim, uma limpeza terminal com produtos específicos. “Desde o momento que soubemos dos casos e fizemos o bloqueio da escola, não houve mais nenhum caso registrado”, disse Ana Paula Valeira diretora de vigilância da saúde de Santos.

Segundo a Prefeitura, as aulas seguem normalmente na unidade de ensino e o afastamento dos casos confirmados fazem parte das medidas preventivas.