Segurança

Operação Verão em Santos terá maior estrutura de segurança já adotada

A ideia é realizar ações principalmente em áreas de divisa, rotas de fuga e locais estratégicos

A operação terá atuação mais intensa entre a Polícia Militar e a GCM - Imagem: Prefeitura de Santos
A operação terá atuação mais intensa entre a Polícia Militar e a GCM - Imagem: Prefeitura de Santos

Karina Faleiros Publicado em 18/12/2023, às 11h48


Nesta sexta-feira (22), é previsto que se inicie a estação mais quente do ano. Em prol da segurança dos munícipes e turistas, a Operação Verão 2024, em Santos, já está vigorando e seguirá até o Carnaval, com a maior estrutura já adotada comparado aos últimos anos.

De acordo com a prefeitura, é esperado a chegada de quase 3 milhões de pessoas para a cidade. A operação foi lançada pelo prefeito Rogério Santos em tenda na Praia do Boqueirão, e seguirá até 14 de fevereiro com várias ações de patrulhamento e monitoramento das vias e espaços públicos.

Juntamente com a Guarda Civil Municipal (GCM), Polícia Militar (PM), Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) e Corpo de Bombeiros, o secretário municipal de Segurança, Sérgio Del Bel, afirma que a Cidade está muito bem preparada, “com base em estatísticas e experiências de anos anteriores, de onde distribuir viaturas, onde intensificar o efetivo”, citou.

O maior da história

A região da orla de Santos terá efetivo de 230 guardas municipais (em revezamento), sendo o maior da história da cidade, quase 30% maior do que em anos anteriores (antes eram em torno de 180 guardas).

No total, serão 427 guardas atuando em todas as regiões da Cidade.

Compartilhe