Coragem

Afaste a vergonha da sua vida e seja uma pessoa mais feliz

Este objetivo de vida só depende de você

Cultive a confiança e deixe-a o tempo todo ao seu lado. - Imagem: Freepik
Cultive a confiança e deixe-a o tempo todo ao seu lado. - Imagem: Freepik

Reinaldo Polito Publicado em 19/01/2024, às 14h14


Tire a vergonha da frente e seja uma pessoa muito mais feliz. Este objetivo de vida só depende de você. Para mostrar os caminhos a serem percorridos, conheça a história de uma antiga peleja.

Desde os primeiros momentos da humanidade existem duas velhas senhoras que nunca se bicaram. Com elas não há hipótese de bandeira branca. É só uma delas aparecer que a outra vira as costas, levanta acampamento e bate em retirada. Elas são a vergonha e a confiança.

É questão de sobrevivência. Uma só dá sinal de vida se a outra estiver ausente. Por estarem o tempo todo disputando espaço, elas se conhecem muito bem. Sabem exatamente onde estão os pontos fracos e os flancos mais vulneráveis da adversária. Essas eternas inimigas são onipresentes. Por isso, transformam todas as pessoas, de todos os cantos do mundo, em seu campo de batalha. Como não há exceção, desde que nasceu você também serve de arena para o duelo entre as duas.

Enquanto a confiança, para se instalar, depende de você para recrutar aliados bons de briga, a vergonha conta com o apoio de voluntários que compõem uma tropa de elite da pesada. A ação de ataque da vergonha é conhecida. Ao primeiro sinal de fraqueza ela surge de mansinho, como quem não quer nada, e passa a comandar cada uma de suas ações.

Ao sentir que ela se alojou em você, sua reação natural é tentar de todas as formas se livrar do sentimento desconfortável. A confiança, que seria a única defesa eficiente para socorrê-lo, como não suporta a presença da vergonha, e não se vê protegida pelos aliados que você deveria ter providenciado, está longe do seu alcance.

Com a vergonha não dá para vacilar. Você precisa trabalhar o tempo todo para impedir a sua presença. Tem cara de boazinha, mas de gente fina mesmo só a aparência. Seus companheiros poderosos são nossos conhecidos sentimentos de fracasso, humilhação, inadequação, a censura e a crítica. Todos os componentes desse bando foram muito bem treinados para que a vergonha seja bem-sucedida e tome conta de você.

Por isso, se essa força-tarefa bater à sua porta e você se sentir envergonhado, convoque sua guarnição de combate para permitir que a confiança o proteja e o liberte desse sentimento negativo. E aja com determinação. Por ser indesejável e repudiada, ela vive sempre espreitando, aguardando a melhor oportunidade para entrar em ação.

Já a confiança, por ser tão desejada, fica na dela esperando ser cortejada. Para estar ao seu lado, exige a presença de uma guarnição de primeira: preparo, experiência, humildade, tolerância, trabalho, persistência, autoconhecimento, personalidade, entre inúmeros outros atributos.

Vale a pena desenvolver e aprimorar cada vez mais essas qualidades para conquistar a confiança, pois poucas coisas na vida lhe darão mais prazer e o tornarão mais realizado do que ser uma pessoa confiante. Com ela ao seu lado, você pode fazer praticamente tudo o que desejar.

A confiança não é um objetivo distante e inatingível. Ela participa da sua vida desde que você nasceu. Durante a infância você se acostumou a viver num mundo onde tudo parecia ocorrer normalmente - havia coerência entre os fatos, os acontecimentos obedeciam a uma sequência determinada, tudo se encaixava de maneira harmoniosa. Enfim, era possível acreditar neste mundo e não havia motivo para não ser dependente dele.

Essa segurança fez com que você julgasse que esse “conforto” seria sempre mantido. A vida, porém, nem sempre é assim tão linear. Ao se deparar com situações que frustram aquelas expectativas de viver num mundo coerente, sem surpresas, você se sente inadequado e a confiança é abalada. Segundo Marlene Theodoro:

“Uma pluralização de valores, sentidos e de universos simbólicos emerge na rotatividade do ambiente social, exigindo do indivíduo flexibilidade, adaptabilidade e mutabilidade na busca de sintonia com um mundo em constante transformação.”

E será tal capacidade de adaptar-se a essa complexidade, de traçar seus próprios caminhos na multiplicidade, de conseguir expressar e realizar de forma particular as suas aspirações e o seu projeto de vida que fará o homem se revelar, enfim, com confiança, com força e fé em si mesmo.

Cultive a confiança e deixe-a o tempo todo ao seu lado. Assim, a vergonha, a culpa ou qualquer outro sentimento semelhante ficarão distantes de você.

Compartilhe